Fotografo: Reprodução/Divulgação
...
Ademir do Marzagão ao lado do senador Jaime Campos

Na última quinta-feira (26), Ademir Antônio Figueiredo, o popular Ademir do Marzagão, que atualmente é Representante Regional da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, concedeu uma entrevista ao programa “Boletim de Notícias” da Web Rádio Plus, apresentado excepcionalmente pelo jornalista Marcos Lopes e na oportunidade ele comentou sobre a conjuntura política e a formação de novos grupos políticos em Rosário Oeste como também o fato dele ter aparecido em uma boa colocação em uma pesquisa de intenção de votos realizada pelo Instituto Paraná Dados.

Ao comentar sobre o seu nome ter aparecido em boa colocação ao lado do nome de alguns vereadores atuais que já vem de outros mandatos, Ademir do Marzagão avaliou que esse resultado é reflexo do desejo de mudança no legislativo que a população rosariense deseja.

“Nós recebemos essa avaliação como positiva na pesquisa realizada pela empresa Paraná Dados, que nos coloca em uma boa colocação nas pesquisas de intenções de votos para vereador em 2020 em Rosário Oeste, e recebo com muita alegria esse resultado e vejo, que isso nada mais é o desejo a da população local de realmente promover a mudança diante de um cenário que vem sendo representado por vereadores que já estão algum tempo lá e em 2020 , a gente verá muita mudança tanto na questão do Poder Executivo como no Legislativo e estou feliz e acredito que Rosário Oeste irá passar pela verdadeira mudança”, ponderou.

Ainda comentando sobre a pesquisa do Paraná Dados, Ademir do Marzagão, assegurou que os números atribuídos á ele condiz com a realidade, pois alguns dos atuais vereadores também aparecem bem avaliados e vem de encontro com dados de outros institutos de pesquisas que já realizaram pesquisa de intenção de voto em Rosário Oeste.

“Eu quero dizer que esse resultado dessa pesquisa da Paraná Dados, não é muito diferente, de outras pesquisas que vem sendo realizadas e esse percentual que estamos sendo avaliado condiz com a realidade, tanto é, que os vereadores que estão com mandatos e foram avaliados pela Paraná Dados também tiveram suas avaliações próximas comparando com outras pesquisas e em relação aos vereadores atuais diante de uma situação minha, que nunca participei de um processo político, nunca fui candidato, eu vejo isso de forma natural e a população rosariense está fazendo uma avaliação  mais profunda de quem realmente tem um comprometimento com a cidade e que tenha um perfil e condições de promover os projetos específicos para município de Rosário Oeste”, avaliou Ademir do Marzagão.

De acordo com Ademir do Marzagão, o fato do seu nome ter aparecido com uma boa pontuação na pesquisa de intenção de voto realizada pelo Paraná  Dados se deve aos trabalhos já realizados e prestados por ele em várias comunidades de Rosário Oeste e citou vários exemplos.

“Eu já venho fazendo alguns trabalhos em beneficio das comunidades de nossa cidade e eu temos como exemplo aqui: a região do Marzagão, onde nós conseguimos esse ano através de um projeto social ambiental de levar energia a 47 propriedades  rurais e a população está de olho nas pessoas que tem o comprometimento com a comunidade e então eu acredito que as pessoas de nossa cidade está vendo isso e elas desejam que a gente participe do processo político local  e eu tenho feito um trabalho social nas escolas, nas estradas, nas pontes e o avanço maior na região  é a energia elétrica como o exemplo de famílias que moram no Ribeirão do Ouro entre o Rio Cuiabázinho e no vão de uma serra, que há 30 anos estavam sem energia elétrica e hoje nós conseguimos concluir esse projeto através de um trabalho social que promovemos e cobramos através de leis a empresa de energia elétrica e consolidamos essa  energia  e por isso hoje, nós estamos sendo visto com bons olhos pela sociedade, que é reflexo desse trabalho que a gente vem fazendo algum tempo”, relatou.

Ao ser questionado pelo jornalista Marcos Lopes se ele tinha conhecimento , qual seria o papel do vereador, ele foi enfático em sua resposta ao responder: “É importante ressaltar que o vereador , além de fiscalizar, tem que desenvolver um trabalho em sintonia com o Executivo, no caso , o prefeito, seja ele quem for e  caso for do meu partido, não quer dizer que eu não vou fiscalizar ele, mas é de fundamental importância que sejam feitos e aprovados projetos que atendem os anseios da comunidade e sei que hoje sou pré –candidato a vereador e até as eleições de 2020, tenho uma difícil tarefa e uma árdua missão, pois temos bons  nomes que poderão estar dispostos a trabalharem e estou preparado para chegar lá para promover a mudança que Rosário Oeste precisa”.

Aproveitando o “gancho” sobre o papel dos agentes públicos, o jornalista Marcos Lopes deu introdução ao tema das conjunturas políticas de Rosário Oeste, onde grupos tradicionais buscam um nome para representá-los e novos grupos começam a ser formatos, o questionou sobre uma possível candidatura á prefeita da atual vice- prefeita Tânia Conrado (PR) , Ademir do Marzagão salientou que a vê como uma pessoa querida, mas  frisou que a não vê como uma candidata que representaria a mudança que a oposição prega e citou os nomes do empresário Jair da Felipe (DEM) e do vereador Marco Araújo (PSDB) como possíveis representantes do bloco oposicionista como candidatos  a prefeito.

“A Tânia é uma pessoa muito querida em Rosário Oeste e pelas andanças que eu ando na comunidade, a população vê ela como uma pessoa sociável, mas politicamente falando, eu não  vejo ela como uma candidata que venha promover uma mudança, pois ela já vem de uma gestão de vice –prefeita e agora ela vem como uma candidata a prefeita, possivelmente apoiada pelo próprio prefeito, mas agora esse bloco que nós estamos projetando, acredita na mudança, nós temos o nosso pré- candidato a prefeito, que é o Jair [da Felipe] e nós estamos abrindo conversações com diversos partidos, mas a nossa conversa está mais adiantada e avançada com o Dr. Marco Araújo, que é um bom nome e tem um histórico de luta no município de Rosário Oeste”, disse.

Ademir do Marzagão , durante vário momentos da sua entrevista que o vereador Marco Araújo poderá ser a balança das próximas eleições e  já finalizando a conversa com o jornalista Marcos Lopes, ele voltou a reafirmar este seu pensamento e confidenciou que tem defendido internamente dentro dos Democratas, partido o qual pertence, uma união com o grupo do parlamentar, pois tem trabalho prestado e histórico de luta por Rosário Oeste.

“Eu vejo que ele [Marco Araújo] será a balança das eleições de 2020 e eu tenho falado isso constantemente para os meus colegas de partido, então eu acredito nessa conjuntura para que nós possamos consolidar no período da eleição essa formatação para que as pessoas possam avaliar quem terá condições de promover as mudanças que Rosário Oeste está precisando em alguns setores e a população está atenta á isso”, defendeu.

Ademir do Marzagão ainda salientou em suas considerações finais que caso consiga ser candidato a vereador após aprovação na convenção do DEM e posteriormente eleito, ele não será um vereador de corredor de prefeitura que fica pedindo gasolina ou remédio para o prefeito, ressaltando que irá sempre atuar em busca de recursos e emendas que serão transformados em benefícios para a cidade de Rosário Oeste.