Fotografo: Arquivo Pessoal
...
Lailton Aguiar, 21 anos, morreu atropelado após se deitar em rodovia no Acre

Uma trágica coincidência envolveu o atropelamento e a morte de um jovem de 21 anos na madrugada deste sábado (20) em Cruzeiro do Sul, no Acre. O motorista Geovane Nogueira de Holanda, 32, atropelou e matou o próprio irmão, Lailton Oliveira Aguiar, que havia se deitado na BR-364.

De acordo com o Boletim de Ocorrência a que o UOL teve acesso, o condutor se assustou com o acidente e, sem identificar o corpo, fugiu.

 

 

"No local, encontramos um corpo esfacelado no meio da BR. Isolamos o local e acionamos a perícia. Ao colhermos informações com populares, ficamos sabendo que a vítima desde cedo ingeria bebida alcoólica e, por volta das 22h, estava cambaleante e se jogando na frente dos veículos que passavam na via, gritando e riscando um terçado [serrote] no asfalto."

 

 

Um homem disse que o rapaz só não foi atingido porque o puxou algumas vezes, mas parou de intervir ao ser atingido por um soco. Uma das testemunhas, José Tejanisson, 28, chegou a presenciar uma briga "envolvendo a vítima e outros indivíduos que queriam impor-lhe represália". Já Ednaldo Silva de Morais, 43, ouviu o barulho do atropelamento "entre 3h30 e 4h da manhã e pensou se tratar de um cachorro".